sexta-feira, outubro 14, 2011

Preconceito na Petrobras - Meu Crime é Ser Gordo


O que vocês leitores passarão a ler agora, é o desabafo de um homem, pai de família que faz um relato emocionante do preconceito que sofre, imposto por uma das maiores, se não a maior empresa brasileira, a Petrobras.

A Petrobrás e o seu sistema SMS (Segurança, Meio Ambiente e Saúde)  e o SA 8000 responsabilidade social?

Me admira muito uma empresa desse porte querer impor que as pessoas se encaixem em seu sistema e eliminando as pessoas que não a interessam, que eu pouco saiba, na constituição todos nós temos o direito ao trabalho direito de ir e vir, os novos contratos da Petrobrás rezam como item contratual que as pessoas do contrato tenham IMC <30. Tenho 180kg e 1,93 de altura, meu IMC é muito superior a isso, mas já trabalho lá há 08 anos e sempre estive acima do meu peso ideal, porém, sempre fui tido como excelente na minha função. O meu pesar é muito grande e gera em minha pessoa muita tristeza ser excluído dessa empresa por um simples fato: ser gordo. Sim,  é verdade. Uma empresa como a Petrobrás a que posso chamar de minha, pois, sou brasileiro, depois de 8 anos trabalhando como contratado a bordo estou impedido de trabalhar, não posso mais embarcar nas unidades da Petrobrás por ser gordo. Imaginem a minha vergonha pessoal de dar uma notícia dessas a minha família aos meus amigos, cada vez que encontro alguém e a pessoal me perguntam como vai e o trabalho, falo sim que como sempre se vai levando e conto que estou impedido de trabalhar pelo simples fato de ser gordo, tentando enfiar em minha cabeça que o errado e a Petrobrás e não eu, mas mesmo assim minhas palavras saem em sussurro tamanho a minha vergonha pessoal.

Nunca pedi por isso, mas sou gordo assim como tanta outras pessoas no Brasil, estudo, faço compras, brinco com o meu filho, viajo, leio, respeito as leis, ajudo as pessoas e o meu direito de trabalhar me está sendo negado, já havia sido despedido em Setembro do ano passado, empresa essa que me contratou em Maio, fui demitido a pedido de um engenheiro de empresa que me julgou incapaz para o serviço em sua plataforma, achei estranho apesar de não gostar do mesmo como pessoa, somente trabalhamos juntos por 03 dias na mesma plataforma de petróleo, ao me despedir o gerente do meu setor me confessou que um dos motivos da minha dispensa era a de que não me encaixava no contrato pelo fato de ser gordo que se quisesse trabalhar deveria emagrecer para poder trabalhar, na mesma semana da demissão fui contratado por uma outra empresa, essa empresa nos terceiriza, comecei a trabalhar e para o meu espanto apenas 02 semanas depois de ser despedido a minha empresa me liga em me comunica que vou embarcar novamente para aquela empresa que havia acabado de me dispensar e para o meu maior espanto para a mesma plataforma com o mesmo engenheiro que tinha me julgado incapaz de atender o serviço.no final das contas estava de volta na mesma
empresa terceirizado.
Hoje só olho em volta sorrio hoje meu filho fazendo 07 meses, mas não sei o dia de amanhã, hoje já são 25/06 e trabalhei só um dia nesse até hoje, vejo, mas não quero olhar meu futuro, desempregado por ser gordo, me pergunto até quando a minha empresa vai ficar com um funcionário que não pode trabalhar?
Meu grande crime é ser gordo.

O artigo foi preservado, mantendo a integridade! 

Autor: Jaime Siqueira

Fonte: Site do Ex Gordo

Um comentário:

  1. Meu amigo isso aconteceu comigo duas vezes, mas não por estar acima do peso, mas sim por ser Visão Monocular (enchergar apenas de um olho) Deixei de trabalhar na Bram e na SBM por ser cego de um olho, O meu curriculo realmente se diferencia da grande maioria, pela quantidade de cursos que possuo (todos originais) e por ter curso superior. Mas na hora dos exames medicos, mesmo sem dar alteração em nada, apenas pela Observação de ser visão monocular o ASO da empresa é decidido pelo inapto.

    Graças a Deus, a 10 meses a empresa TS Tranship acreditou na minha capacidade de trabalho (deixou o preconceito de lado) e me contratou, Hoje visto a camisa da Tranship com orgulho, e dou muito valor para essa empresa.

    Preconceito é algo que infelizmente esta, não apenas na Petrobras, mas no Brasil inteiro

    ResponderExcluir

Inicialmente este Blog não possui moderação de comentários, mas se houver comentários em tom de brincadeira, deboche, insulta ou ofensas de qualquer gênero, os comentários passaram a ser moderados! Não é permitido propaganda, nem publicidade sem autorização do Administrador!


Dr. Glauco da Costa Alvarez

Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica